Existem diferentes graus de acne e todos eles devem ser tratados

A acne é uma doença que ocorre devido ao aumento da secreção sebácea, que dá origem aos cravos. Estas condições favorecem a proliferação de micro-organismos que provocam a inflamação característica das espinhas. Às vezes, os poros bloqueados se infeccionam, aparecendo bolhas cheias de pus. Comumente as pessoas espremem essas bolhas, causando o agravamento da infecção e deixando cicatrizes, manchas e ferimentos.

Existem graus diferentes de gravidade da acne que pode ser dividida em cinco fases:

Grau 1

Surgem alguns cravos, que podem ser brancos ou pretos. É o início do desenvolvimento da acne, mas nesse estágio as espinhas não aparecem.

Grau 2

Surgem pápulas e pústulas. Nessa fase a pele já está bem oleosa e as inflamações estão avançadas deixando a pele com algumas elevações.

Grau 3

Surgem os nódulos, que aparecem nas camadas mais profundas da pele. Os cistos são avermelhados e causam dor.

Grau 4

Na fase 4, também estão presentes os nódulos e abscessos. Os cistos estão ligados e formam verdadeiros túneis que drenam o pus. A partir disso, surgem as cicatrizes de acne e lesões císticas.

Grau 5

Aqui é onde a doença é grave. O indivíduo apresenta, além da presença de lesões, um quadro de queda do estado geral, sensações de dores fortes e até febre.

O tratamento da acne deve ser definido de acordo com o estágio da doença, mas em todos os tipos deve ser iniciado o quanto antes, para evitar principalmente o aparecimento de cicatrizes. Como tratamento, devem ser utilizadas medicações para uso diretamente na pele, e nos casos mais graves é feito o uso de medicamentos via oral.

Se você convive diariamente com a acne e busca por ajuda, venha até nosso estabelecimento e fale com nossos profissionais, que te indicarão o melhor tratamento para acabar de vez com seus indesejáveis cravos e espinhas.